FAF

FAF apresenta relatório geral dos testes para Covid-19

No total, foram testados 350 profissionais em parceria com o Laboratório Dilab

Dr. Thiago Omena (à esquerda) e Dr. Eduardo Lima (à direita) médicos da FAF

Créditos: Arquivo pessoal

O Departamento Médico da Federação Alagoana de Futebol divulgou nesta quinta-feira (23), o relatório final dos testes sorológicos de Covid-19, realizados pela FAF em parceria com o Laboratório Dilab.

No total, foram realizados 350 testes contabilizando todos os oito clubes participantes do Campeonato Alagoano, os árbitros, assistentes e membros em geral da arbitragem e os funcionários da Federação.

O relatório foi montado pelos médicos Dr. Thiago Omena e Dr. Eduardo Lima Barbosa, responsáveis pelo Departamento Médico da FAF. Ambos estão na linha de frente conduzindo e orientando os clubes no planejamento de retomada do Alagoano Smile 2020.

Após uma série de análise dos resultados pelos médicos da FAF, foi concluído que apenas 4% dos testados estavam na fase ativa da doença. Hoje, apenas 12 destes profissionais estão cumprindo o período de isolamento social de 14 dias, visto que os que testaram positivo de CRB e CSA já o cumpriram. É importante destacar que nenhum profissional testado pela FAF apresentou sintoma do novo coronavírus. Todos estavam assintomáticos. 

De acordo com o Departamento Médico da FAF, 247 profissionais, 71%, testaram negativo para a Covid-19, ou seja, nunca tiveram contato com o vírus. 98 profissionais adquiriram o coronavírus mas nunca tiveram sintomas e já apresentam os anticorpos IgG, que acredita-se conferir imunidade. 

As testagens para Covid-19 nos clubes ocorreram ainda no mês de junho. CRB e CSA foram as primeiras equipes a testarem atletas, comissão técnica e demais profissionais, por conta da programação de retorno dos jogos da Copa do Nordeste. ASA, CEO, CSE, Coruripe, Jaciobá e Murici foram testados na semana passada e já iniciaram os treinamentos visando a retomada do Campeonato Alagoano. 

Detalhes:

35 pessoas apresentaram somente anticorpos da classe IGG, aqueles que aparecem em geral no 15º e 20º dia da doença. Essas pessoas foram liberadas para suas atividades por terem tido Covid-19 há mais de 14 dias sem necessidade de isolamento social. 

48 pessoas apresentaram anticorpos da classe IGM e anticorpos da classe IGG. Elas já cumpriram o período de isolamento social e foram orientadas pelo Departamento Médico da FAF a retornar às atividades nos próximos dias. 

"Está sendo um período de muito cuidado visando a segurança de todos. Acreditamos que realizando as testagens e adotando medidas básicas de prevenção no dia a dia conseguiremos retornar às atividades normais do futebol sem aumentar a taxa de infecção e sem aumentar o número de indivíduos afligidos pelo vírus", disse o médico Thiago Omena, diretor médico da FAF.

Notícias


TODAS NOTÍCIAS

FAF © 2007- 2020 - Av. Pretestato Ferreira Machado, nº 919, Jatiúca, CEP 57036-400 - (82) 3026-0115 - federacaoalagoana@gmail.com